O Arrogante

O Arrogante

Ele estava sem nenhum amigo.

Não sofria dores e não carregava passagens para nenhum lugar.

Ele foi um ser humano, imaginando saber abrir e fechar o Portal Astral das Comunicações. Ele chegou no Astral achando que “era” o dono daquele mundo.

No além, um SER observador viu que aquele espírito que mal chegou, carregava a energia de ter sido muito arrogante na Terra. Onde ele ia as portas se fechavam.

Um ex-funcionário, quando reconheceu o seu ex-chefe vivente na Terra, sempre humilde e já morando há algum tempo no além, ao ver as portas se fechando para o antigo chefe, levantou-se para abrir a porta para ele, servindo-o como sempre fez quando estavam na Terra. Disse-lhe:

—O senhor quer passar? Entrar?

O arrogante quando o viu, respondeu-lhe:

—Ande logo. Eu passo primeiro!

O humilde abriu o Portal para o seu ex-chefe passar primeiro, respeitosamente.

O espírito observador se aproximou, dizendo-lhes:

—Desculpem-me! Aqui não temos hierarquia de seres humanos. Todos chegam igualmente para um aprendizado. Na nossa Escola das Comunicações não se dá preferências.

O mal-educado, arrogante, retrucou:

—Eu cheguei aqui primeiro. Tenho direitos.

O humilde lhe respondeu:

—Não há problema. Pode ser o primeiro. A vida toda fiquei calado. O senhor me pisoteou, amargurou a minha vida e a da minha família. Pode entrar, estou acostumado a ser tratado ou cuidado por último.

O espírito observador, impediu os dois de dar um passo adiante. Dizendo-lhes:

—Espíritos! Nós chamamos o senhor arrogante para vir para o além há muito tempo. Ele lutou muito, teimoso, brigou para aqui não chegar, ficou em coma se digladiando com os seus guias espirituais, anjos e a sua própria ancestralidade. Hoje você não pode entrar no Portal da Escola das Comunicações. Precisa descer muitos degraus da escada evolutiva. Como evitou ouvir a todos, vai descer degrau por degrau, aprender a ser humilde e compassivo. Após um período de treinamento irá subindo os degraus da sua evolução.

Depois de reclamar muito o arrogante, olhou para o seu ex-empregado dizendo-lhe:

—Vamos, vamos logo descer esta escada. Vá na frente e, se tiver perigo você me protege.

—Não, respondeu o espírito observador.

—Este senhor não irá com você. Ele chegou aqui primeiro. Irá para o Portal das Comunicações. Está muito à frente de você em conhecimento, paciência e humildade.

—Como isso? Ele foi meu empregado na Terra, vai passar na minha frente?

—Como lhe disse, aqui não temos ricos e pobres, chefes e empregados. Pode descer as suas escadas e daqui alguns bons anos poderemos nos reencontrar para uma boa conversa.

O espírito humilde entrou no Portal das Comunicações. A porta se fechou e tudo silenciou.

O ex-chefe arrogante deu início à descida das escadas gritando feito um louco.

A espiritualidade dá sinais diariamente a todos que permanecem na Terra. Quem não a ouve e não lê os sinais é porque ainda precisa aprender as lições de obediência para ser um bom condutor de suas obras. Caso esta lição sirva para alguém que se sentiu incomodado, reserve um tempo para sua reflexão. O silêncio é seu maior cúmplice. A luz divina, o farol do conhecimento.

Mensagem canalizada pelo escriba do astral

GS

6 Comments

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.